Julgamento adiado

By in

 

O tribunal marroquino adia para a próxima Terça-feira 18 de Julho, o julgamento dos presos políticos saharauis de Gdiem Izik
Aparentemente, a presença de importantes observadores internacionais que estavam presentes para denunciar as más práticas processuais que se praticam neste julgamento-farsa, incomodaram o governo de Rabat.
Numa entrevista com um dos observadores internacionais de Esquerda Unida de Espanha; o mesmo comentou que “acredita que o adiamento do julgamento é o motivo da presença de muitos observadores e representantes de embaixadas, como as da Suíça, Suécia, Noruega, Países Baixos e Finlândia”. Ele acrescenta “que os observadores seriam entre 15 ou 20 na sala”.

Fonte: Equipe Media 

 

 

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.